Como é costume dizer…

21:54 - 5 Dezembro 2007

ano novo vida nova” mas o caso aqui é “exame novo vida nova“.

Depois de ter feito, segundo me disseram o exame dos exame, e de saber que os resultados mostraram a não existência de qualquer evidência de doença do foro oncológica, justifica-se pese a “porrada” que ainda continuo a levar, uma nova vida para o blogue… afinal de contas o espelho do meu “eu“.
Quer isto dizer que o YGM para além de ir ter uma nova carinha vai retomar o seu ritmo normal.

Um muito obrigado a todos os que ao longo destes últimos tempos têm passado por aqui e deixado palavras de apoio.
Quero igualmente fazer uma referência muito especial à annie hall cujas palavras sabedoras têm sido muito importantes.

Como me dizia…

15:06 - 8 Novembro 2007

há pouco um amigo meu - “Porra que nunca mais te endireitas… ou é do cu ou é das calças….

E tomando o comentário à letra, no que ao “cu” diz respeito, as coisas estão ouro sobre azul. Os vários exames de follow up que tenho feito nos útimos meses mostram que o dito cujo mais dia menos mês vai voltar a funcionar com toda a normalidade.

Agora no que às “calças” diz respeito, os efeitos secundários para além de me terem caído em cima de um momento para o outro tiverem como que a força de um tornado. Não têm sido fácil a vivência do dia a dia.

É esta e respondendo ao comentário do joaon e não só, a razão pela qua o YGM tem estado mais ou menos em stand by. Claro que mais dia menos dia as coisas por aqui vão voltar ao normal, sinal de que as “calças” já estão “endireitadas“.

Decididamente…

13:06 - 28 Setembro 2007

sempre pensei que tinha uma capacidade algo fora do comum para suportar comportamentos eremitas mas ultimamente tenho verificado que andei redondamente enganado. Aliás, a frequência com que tenho actualizado o blog é uma consequência disso mesmo.

É verdade que aos poucos me estou a obrigar a recomeçar com os meus passeios/visitas/exercícios e lanches aos lugares de sempre e que este fim de semana vou petiscar lá para os Alentejos (se um peixinho mesmo que grelhado alguma vez na vida pode ser chamado de petisco), mas isto de andar (no sentido literal da palavra) com os pés 24 horas por dia como se estivessem cheios de coca-cola, é muito mais complicado do que alguma vez se pensa… e vão demorar meses a esvaziar dizem-me.

Mas adiante…

Quinta (cont.)

17:01 - 26 Julho 2007

 

Mais 1 visita estamos nos finalmentes.
Uma coisa é verdade. Tenho para ali um envelope cheio de fotografias do je tiradas de todos os lados, ângulos e feitios, acompanhado de um papelucho a dizer que me saiu a taluda das taludas.

Ver também

Quinta-feira…

17:40 - 12 Julho 2007

 

Mais 2 visitinhas e mais efeito menos efeito, felizmente que quase todos os que fazem mossa me têm passado ao lado, estamos nos finalmentes.

 

 

Powered by….

19:44 - 28 Junho 2007

Soube hoje que o prazo de validade em Outubro passado era de “2 meses“.

Passados que são quase 10 meses, paletes de exames - como é possível por vezes conseguir usar palavras de 5€ em vez daquele calão bem ordinário e a condizer com a situação, umas tantas operações de manutenção (coisa em demasia para um homem só diga-se) e toda a “Sorte” do mundo, o tal prazo de validade passou para “as time goes by.

Obrigado a quem de direito.